Delmasso solicita a reabertura de igrejas no Paranoá

Cerca de 90% das igrejas com capacidade de até 199 pessoas estão com as portas fechadas


No dia 30 de julho, o vice-presidente da Câmara Legislativa, deputado Delmasso (Republicanos-DF) enviou o ofício nº 285/2020 solicitando ao chefe da Casa Civil, Gustavo Rocha, autorização para reabertura de igrejas menores no Paranoá. Atualmente a realização de cultos, missas e rituais religiosos, está suspensa para as igrejas que possuem capacidade de até 199 pessoas.

No Paranoá, boa parte dos templos não possuem capacidade acima de 200 pessoas, e por isso seguem fechados para exercer as atividades religiosas. O ofício destaca que o Decreto nº 40.982, de 13 de julho de 2020 contemplou apenas as igrejas com capacidade para mais de 200 pessoas, mas não tratou das igrejas menores. 

O documento ressalta que para a retomada de suas atividades, com até 199 pessoas, será necessário cumprir com as normas de segurança. As entidades religiosas deverão encaminhar à Secretaria de Estado de Relações Institucionais, a relação dos membros que irão frequentar os cultos presenciais, juntamente com os resultados dos testes de COVID-19 e fazer a higienização de todo o local.

As igrejas são vistas como um local de refúgio e fortalecimento dos fiéis, que tem a mesma fé. Por isso precisam reabrir, mas seguindo todas as normas de saúde”, afirma Delmasso.